EnglishPortugueseSpanish

Empreendedores de sucesso: Marcus Vinicius de Andrade, fundador do ICTQ

No quadro “Empreendedores de Sucesso”, do É De Farmácia de terça (23/07), o administrador e fundador do Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade (ICTQ), Marcus Vinicius de Andrade, contou como tudo começou. A ligação dele com o setor farmacêutico teve início quando ainda cursava a faculdade de Administração. “Eu tive a oportunidade de trabalhar em uma instituição de pós-graduação que era um misto de iniciativa privada e pública. Entrei como bolsista e aprendi tudo que o podia sobre pós-graduação.”

Durante o tempo em que trabalhou nessa instituição, em Anápolis, Goiás, criou uma rede de contatos que o ajudaria mais tarde, no momento de fundação do ICTQ. “Eu me sentia muito limitado. Foi então que decidi, em 2008, fundar o ICTQ. Convidei os profissionais da indústria que já conhecia e fiz deles a minha base de visão para o negócio”, relembrou o administrador. Com isso, foi possível pensar em novas formas de especialização e em como ofertá-las. “Tudo isso foi uma construção conjunta com profissionais de diversos níveis da indústria, desde o operacional até a direção”, explicou durante a entrevista concedida à jornalista Viviane Massi.

Conheça o ICTQ

Ao longo dos 11 anos de existência, o ICTQ já pós-graduou cerca de 30 mil profissionais. Em todo o Brasil, são cerca de 250 professores. “Abrangemos todo o Brasil por meio de pesquisas e ensino a distância. Presencialmente, estamos em 22 estados”, contabilizou Marcus Vinicius.

Hoje o ICTQ é conhecido como a “indústria da pós-graduação” no segmento farma. “Eu tenho o que considero uma tropa de elite de professores e colaboradores que vestem a camisa e servem ao nosso propósito”, disse. Além disso, as redes sociais representam uma grande influência na divulgação do ICTQ. O administrador acredita que grande parte do crescimento da instituição se dá por meio da exposição no ambiente digital.

Tumor na hipófise

Há cinco anos, o empreendedor descobriu um tumor na hipófise e, há dois, teve que passar por uma cirurgia para retirá-lo. “Eu entendi que a vida pode ser interrompida em um instante. Eu voltei mais empreendedor dessa operação, porque achava que ia morrer”.

Marcus comentou que, mesmo nesse período, ficou muito feliz de ver o serviço farmacêutico sendo executado, inclusive por profissionais que se especializaram no ICTQ. “Pude viver, na prática, a assistência farmacêutica, fosse nos medicamentos que eu tomava, fosse no acompanhamento durante a internação”.

Novos passos em direção à Farmácia

Marcus Vinicius está cursando Farmácia. “Há mais de 15 anos, relaciono-me com farmacêuticos, mas me faltava ainda aquela autoridade técnica para falar de alguns assuntos em entrevistas de televisão, por exemplo, autoridade essa que somente a graduação pode me dar. Não me sentia à vontade de falar não sendo um farmacêutico”, explicou.

Veja também: Empreendedores de sucesso: conheça Bruno Freire, da Rio Drog’s

Polêmicas envolvendo CRF e CFF

Questionado sobre as polêmicas a respeito dos Conselhos Regionais e Federal de Farmácia, Marcus Vinicius esclareceu que, embora sejam fundamentais para a sociedade e para a regulamentação da profissão, também são sistemas políticos muito arcaicos.

“O ICTQ veio para dar voz à uma classe que, a nível nacional, tinha medo de perseguição, de ter as farmácias multadas, de ter o registro profissional cassado. O ICTQ ajuda a dizer o que está errado, o que pode ser melhorado. Cobra por mais transparência”, defendeu-se o administrador.

Revolucionar a profissão farmacêutica

A proposta do ICTQ, segundo Marcus, é revolucionar a profissão farmacêutica de forma profunda. “Hoje vemos as grandes redes falarem da revolução silenciosa da farmácia como estabelecimento de saúde. Logo, o nosso propósito é dar essa chance aos nossos profissionais, que por muito tempo deixaram de ser protagonistas da própria profissão”, ressaltou.

Segundo Marcus, o objetivo é lutar para despertar novamente essa autonomia, mostrando aos farmacêuticos que eles podem atuar de forma mais empoderada e com mais visibilidade. “Temos feito isso por meio de conhecimento, de conteúdo. Queremos uma classe mais crítica, mais consciente do seu espaço e que conquiste ainda mais seu lugar”, finalizou.

Assista ao programa completo.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossa Newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

Receba as principais notícias pelo nosso grupo

curta nossa fanpage

Mais lidas

Vídeo - É de Farmácia

Fechar Menu