EnglishPortugueseSpanish

14 dicas para a farmácia ter sucesso nos eventos de saúde

O calendário do Ministério da Saúde prevê diversas datas comemorativas ao longo do ano. Aproveitá-las para promover ações de saúde na farmácia é uma iniciativa sempre bem-vinda quando o objetivo é estreitar laços com os clientes e contribuir com a qualidade de vida da população.

Entre as datas mais relevantes para o segmento de farmácia, destacam-se o Dia Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão Arterial, em 26 de abril; Dia Nacional da Saúde e Dia Nacional da Farmácia, em 5 de agosto; Dia Nacional de Combate ao Colesterol, em 8 de agosto; Dia Mundial do Coração, em 29 de setembro; Dia Nacional do Idoso, em 1º de outubro; Dia Nacional da Vacinação, em 17 de outubro; e Dia Mundial do Diabetes, em 14 de novembro.

“Já faz tempo que farmácias e drogarias oferecem mais que medicamentos para seus clientes. Informações e orientações em saúde fazem parte da estratégia para aumentar a visibilidade e divulgar a empresa. As ações sociais são, acima de tudo, uma grande oportunidade de o farmacêutico apresentar a farmácia, disponibilizar os serviços farmacêuticos e estabelecer uma maior aproximação com os clientes, possibilitando a captação de novos”, comenta a farmacêutica, gerontóloga, professora e mestre em Ciências do Cuidado em Saúde, Ana Lucia Caldas.

As ações sociais em saúde já são comuns e é possível identificar muitas redes que se mobilizam ao longo do ano para realizá-las. No entanto, nem sempre os resultados são positivos. Há muitas dúvidas e dificuldade em organizar um evento de qualidade. “Muitas vezes, a eficácia das ações fica comprometida por falta de planejamento e organização”, destaca Lucia Gadelha, consultora especialista em Gestão de Recursos Humanos e Capacitação de Líderes.

Ricardo Valdetaro e Ana Lucia Caldas durante ação social de saúde no Largo da Carioca
| Foto: Humberto Teski

É fundamental elaborar o checklist de todo o material necessário, além de envolver a equipe e a própria comunidade como um todo. “Preparar uma lista com todos os itens é o primeiro passo na organização do evento, seguido da escolha do tema e da data. O calendário do Ministério da Saúde é uma boa opção para selecionar datas comemorativas. Além disso, também vale a pena buscar o apoio da Prefeitura, das instituições locais e do comércio do bairro, a fim de garantir o sucesso do evento”, detalha Ana Lucia.

A utilização de tendas é uma boa opção para chamar a atenção das pessoas. “As tendas infláveis são versáteis, coloridas e chamam a atenção dos clientes atuais e potenciais. São excelentes para destacar a marca da farmácia e das empresas parceiras. Contribuem também para que os profissionais da saúde possam interagir com as pessoas, associando a marca da farmácia a três pilares: saúde, assistência farmacêutica e bem-estar”, completa Lucia Gadelha.

Farmacêuticos durante atendimento no Largo da Carioca em comemoração ao Dia da Farmácia | Foto: Humberto Teski

Muito importante também a farmácia estar atenta à vestimenta dos farmacêuticos, aos acessórios de segurança, ao gerenciamento das filas e ao atendimento prioritário de idosos, portadores de deficiência e gestantes.

Veja o passo a passo para promover ações de saúde com sucesso:

  1. Defina previamente a data, em função do calendário, o local e as ações a serem realizadas para despertar o interesse do público-alvo;
  2. Verifique juntamente aos órgãos sanitários locais quais as exigências para a realização do evento;
  3. Busque parcerias nos laboratórios e demais fornecedores da farmácia;
  4. Divulgue com antecedência a realização do evento por meio das redes sociais, para que se tenha uma estimativa de público de acordo com o tempo de duração do evento e espaço físico do local;
  5. Elabore uma lista com todos os itens – cada novo item deve ser acrescentado à medida que surgir;
  6. Envolva todos da equipe no planejamento – cada colaborador deve ter seu papel definido claramente;
  7. Se necessário, capacite farmacêuticos e equipe de apoio;
  8. Separe todos os equipamentos a serem utilizados – por exemplo, ação de combate à hipertensão arterial: separar esfigmomanômetro, estetoscópio e álcool gel; ação de combate ao diabetes: separar glicosímetro, lancetas, tiras de teste, entre outros itens necessários;
  9. Elabore um documento de registro dos serviços farmacêuticos prestados, em duas vias, pois uma fica com o paciente;
  10. Se necessário, providencie vale-refeição, lanche, café e transporte para a equipe;
  11. Defina que profissional irá comparecer ao local com antecedência para acompanhar a montagem da tenda e do restante da estrutura, conforme previsto no planejamento;
  12. Seja pontual e comece o evento no horário divulgado, salvo em casos especiais, como chuvas ou situações que possam prejudicar a locomoção;
  13. Mensure os resultados, pois os indicadores de gestão devem ser bem definidos e avaliados;
  14. Após a realização do evento, faça um relatório de avaliação destacando os pontos positivos e os pontos a serem melhorados.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossa Newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

Receba as principais notícias pelo nosso grupo

curta nossa fanpage

Mais lidas

Vídeo - É de Farmácia

Fechar Menu