EnglishPortugueseSpanish

Roche lança projeto que encontra doadores com tipos sanguíneos que estão em falta

Doação de sangue
Foto: shutterstock

A farmacêutica Roche está usando a ciência de dados e a tecnologia para conectar potenciais doadores aos hemocentros em diversas cidades do Brasil. O propósito é incentivar a doação de sangue – que já é baixa no período de inverno – durante a pandemia da Covid-19, que gerou uma queda de 50% na procura em diversas regiões. A iniciativa tem o apoio da SaveLivez, startup da Eretz.bio, ecossistema de inovação e empreendedorismo do hospital Albert Einstein.

Para isso, a plataforma Salvo Vidas utiliza o cruzamento de dados e recursos de inteligência artificial para unir quem deseja doar com o local que precisa de doadores, evitando o desperdício ou a escassez nos bancos de sangue.

Como funciona o projeto

A plataforma rastreia e monitora as condições de estoque de 72 bancos de sangue espalhados por 69 cidades em 13 estados do Brasil e mapeia os grupos específicos que precisam de reposição. Após os doadores se cadastrarem voluntariamente no site, é feita uma triagem para verificar se estão aptos a doar e, caso estejam, são direcionados aos locais mais próximos de suas residências por meio de agendamento.

Além de esclarecer dúvidas sobre o procedimento e verificar se o internauta se enquadra nos requisitos necessários para realizar o procedimento, durante a triagem, a assistente virtual – Livia.bot – também auxilia na identificação de possíveis sintomas de Covid-19.

Motivação da Roche

Claudia Echeverria, gerente de Patient Advocacy da Roche, fala sobre a ação: “A baixa adesão de doadores de sangue é um problema anterior à pandemia da Covid-19, mas que ganha contornos ainda mais críticos no contexto do isolamento social. Estimular o hábito de doar sangue é importante para equilibrar as reservas dos diversos bancos de sangue das cidades brasileiras e, por isso, a Roche apoia esta iniciativa. Trata-se de um procedimento seguro, rápido e que, além de ser praticamente indolor, não causa efeitos colaterais a quem doa”.

Veja também: Libbs lança medicamento para osteoporose com apenas uma aplicação anual

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print
Millenium distribuidora referência no mercado pharma Espírito Santo e Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossa Newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

Conquiste Seguros

Receba as principais notícias pelo nosso grupo

curta nossa fanpage

Mais lidas

Vídeo - É de Farmácia

Televendas Zamboni
Fechar Menu