Consumo de medicamentos influenciado por farmacêuticos chega a 58% no Brasil

Assistência farmacêutica é cada vez mais importante
Foto: Divulgação

O Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade (ICTQ) realizou, no fim de 2018, uma pesquisa para verificar quem são os principais agentes influenciadores no consumo de medicamentos pela população.

Em primeiro lugar, com 77% da população sendo influenciada, aparecem os médicos. Em seguida, com 58%, aparecem os farmacêuticos. Em terceiro lugar, aparecem os balconistas de farmácia, exercendo influência sobre 22% da população.

Entretanto, ainda existem pessoas que acreditam não serem influenciadas por nenhum profissional no momento da decisão da compra de medicamentos – o número chega a 19% em todo o Brasil. Ao avaliar esse percentual por regiões, foram identificadas variações. Na região Sudeste, por exemplo, 23% da população acredita não ser influenciada por ninguém; nas regiões Sul, Norte e Centro-Oeste, o número passa a ser 17%; e na região Nordeste, 16%.

Outro ponto importante a ser levado em consideração é a faixa etária das pessoas. As mais jovens – entre 16 e 24 anos e entre 25 e 34 anos – tendem a considerar o que os farmacêuticos falam. O total chega a 60% e 64%, respectivamente. Com o passar dos anos, os impactados diminuem – 51% das pessoas com 60 ou mais anos escutam a opinião dos farmacêuticos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Notícias Canal Farma

Receba notícias, conteúdos e vídeos do YouTube sobre o setor farmacêutico com nosso canal no Telegram.

Millenium distribuidora referência no mercado pharma Espírito Santo e Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossa Newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

loading...

Receba as principais notícias direto no celular

Mais lidas

Vídeo - É de Farmácia