IQVIA publica prévia dos resultados do mercado farmacêutico em janeiro

IQVIA publica dados de janeiro de mercado farmacêutico
Foto: freepik

A IQVIA, empresa que audita o setor farmacêutico, publicou a projeção dos resultados do mercado farmacêutico em janeiro de 2021. Os dados levaram em consideração o comportamento de compra e o faturamento do setor nas primeiras duas semanas do ano, ou seja, ainda há possibilidade de que haja uma mudança no cenário.

Unidades comercializadas

Em relação ao número de unidades que serão comercializadas durante o mês de janeiro, há três perspectivas diferentes: na projeção mínima, serão comercializadas 532 mil unidades, o que poderá representar um aumento de 4% em relação ao total vendido em dezembro de 2020.

A projeção média indica que as vendas poderão chegar a 575 mil unidades, o equivalente a um crescimento de 12%. A última estimativa indica que poderá haver a comercialização de 617 mil unidades, totalizando um crescimento de 20%.

Categorias de produtos

Existem quatro categorias de produtos: Farma, Ético Farma, Popular Farma e Consumo. A primeira categoria poderá vender cerca de 391.964, o equivalente a R$ 6.996.556 e um crescimento de 10,1% em relação ao mês de janeiro de 2020.

A segunda tem chances de comercializar 246.753 unidades – R$ 4.577.392 –, um aumento de 18,3% na comparação com o mesmo período do ano passado. A terceira poderá conseguir comercializar 145.211 unidades, ou seja, R$ 2.419.164, 10,3% a mais. Por fim, a última categoria deverá vender 328.115 unidades, o que vale R$ 5.790.862 e é igual a um aumento de 13,2%.

Subcategorias

A IQVIA dividiu os produtos em dois vieses – produtos farmacêuticos (de marca, genéricos e de referência) e produtos de consumo (cuidados pessoais, MIPs, cuidado ao paciente e nutrição).

Em relação aos medicamentos de marca, há chances de venderem um total de 187.950.374 unidades, o que representaria um aumento de 9,7% na comparação com janeiro de 2020. Os genéricos poderão vender 138.233.563 unidades (12,7%), enquanto os de referência têm chances de comercializar 65.859.402 (6,1%).

Já na subdivisão dos produtos de consumo, há grandes chances de haver crescimento também. Os medicamentos de cuidados pessoais, têm chance de ter um crescimento de 7,9% (122.061.592 unidades), os MIPs 10,5% (115.683.135 unidades), os de cuidados ao paciente 40,4% (57.599.653) e os de nutrição 6,3% (32.770.271).

Veja também: Consumo de vitaminas cresce 29% em um ano

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Notícias Canal Farma

Receba notícias, conteúdos e vídeos do YouTube sobre o setor farmacêutico com nosso canal no Telegram.

Millenium distribuidora referência no mercado pharma Espírito Santo e Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.