EnglishPortugueseSpanish

Anvisa autoriza dois novos estudos clínicos para Covid-19

A Anvisa acaba de autorizar a realização de mais dois estudos clínicos para potenciais tratamentos de casos graves da Covid-19.
Anvisa autoriza novos estudos clínicos para Covid-19
Foto: freepik

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou, na última quarta-feira (24/6), a autorização para a realização de dois novos estudos clínicos relacionados à Covid-19, que têm como objetivo testar medicamentos experimentais no tratamento de pacientes hospitalizados e com quadros graves.

Primeiro novo estudo

O primeiro estudo é de fase 3 e destinado à avaliação da eficácia e da segurança do medicamento Remdesivir utilizado em pacientes com pneumonia grave em decorrência da Covid-19. Na pesquisa, o medicamento será usado por dois grupos, sendo que um deles o receberá associado ao fármaco Tocilizumabe e o outro será tratado com placebo.

O pedido de autorização para realização da pesquisa foi feito pela PPD do Brasil Suporte a Pesquisa Clínica, que deve envolver cerca de 105 pacientes.

Outra autorização

O segundo estudo também é de fase 3, e avaliará a eficácia e a segurança do medicamento experimental Ruxolitinibe em pacientes com “tempestade de citocinas” associada à Covid-19. Essa situação ocorre quando o organismo gera uma quantidade exagerada de defesas (citocinas) contra a doença, o que leva a um agravamento do quadro clínico. A pesquisa é da Novartis Biociências e deve incluir 60 pacientes.

Ações durante a pandemia Covid-19

Desde o reconhecimento da calamidade pública no Brasil gerada pela pandemia do novo coronavírus, a Anvisa adotou diversas estratégias para acelerar as análises e decisões sobre todas as demandas que tenham como objetivo ajudar no enfrentamento da Covid-19.

Uma das ações foi a criação de um comitê de avaliação de estudos clínicos, registros e mudanças pós-registros de fármacos para prevenção ou tratamento da Covid-19. Esse comitê está no âmbito da Gerência-Geral de Medicamentos e Produtos Biológicos (GGMED), que também visa diminuir o risco de desabastecimento de medicamentos durante a pandemia.

Veja também: Anvisa autoriza estudo clínico de potencial vacina contra Covid-19

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print
Millenium distribuidora referência no mercado pharma Espírito Santo e Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossa Newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

Conquiste Seguros

Receba as principais notícias pelo nosso grupo

curta nossa fanpage

Mais lidas

Vídeo - É de Farmácia

Televendas Zamboni
Fechar Menu