Anvisa exige recolhimento de Ranitidina

Ranitidina
Foto: site Anvisa

A Agência Nacional da Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou que medicamentos como a Ranitidina fossem recolhidos das farmácias. O pedido foi feito após a decisão do órgão que exigiu um controle maior de nitrosaminas, substâncias potencialmente cancerígenas formadas durante a síntese de princípios ativos usados na fabricação de medicamentos.

Até o momento, já foi processado pela Agência o recolhimento voluntário de cerca de 225 lotes de medicamentos à base de cloridrato de ranitidina. Todos eles são publicados no Diário Oficial da União (DOU) e podem ser acompanhados no próprio portal da Anvisa.

A expectativa é que nos próximos dias mais lotes sigam o mesmo trâmite. No Brasil, 24 empresas farmacêuticas possuem medicamentos registrados com o princípio ativo cloridrato de ranitidina.

Veja também: Anvisa abre Consulta Pública para sugestões de nova RDC

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Notícias Canal Farma

Receba notícias, conteúdos e vídeos do YouTube sobre o setor farmacêutico com nosso canal no Telegram.

Millenium distribuidora referência no mercado pharma Espírito Santo e Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.