Abradilan revela que genéricos representam 44% do volume de unidades vendidas

Abradilan fala sobre venda de medicamentos genéricos
Foto: shutterstock

A Associação Brasileira de Distribuição e Logística de Produtos Farmacêuticos (Abradilan), em comemoração ao Dia do Genérico (20/05), publicou uma nota falando um pouco sobre a performance desse tipo de produto desde a implantação, há 21 anos, da Lei Federal nº 9.787.

No documento, a Associação explica que os medicamentos genéricos fortaleceram a economia brasileira, com mais de R$ 150 bilhões em vendas e geração de emprego para milhares de pessoas. Em 2019, o crescimento foi de 14,87% no número de vendas, chegando a R$ 9,82 bilhões.

Abradilan e genéricos

Para a Abradilan, que tem 28% do mercado total de distribuição e 18% do mercado total do varejo, os genéricos significam 44% do volume em unidades; e trade e similar, 48%. O presidente Vinicius Andrade afirma que os genéricos e similares são a grande força dos seus associados.

“Os medicamentos genéricos são produtos que levam qualidade e preços acessíveis à população, portanto, têm um grande potencial de crescimento no mercado farmacêutico brasileiro. A rede de atendimento dos distribuidores da Abradilan é composta por mais de sete mil representantes comerciais que são muito bem preparados para orientar as drogarias sobre esses produtos e como eles podem ajudar nos negócios e o paciente”, diz Andrade.

Crescimento ininterrupto

Além de baratos, os genéricos são seguros e eficazes e, por isso, conquistaram a confiança da classe médica. Atualmente, dos 20 medicamentos mais prescritos no Brasil, 15 são genéricos. Existem também genéricos para tratar mais de 90% das doenças conhecidas.

No Brasil, 97% das classes terapêuticas são atendidas pelo genérico, o que evidencia a atuação da indústria farmacêutica e sua contribuição para a saúde. Cerca de 80% da população aceita esse tipo de produto, o que representa 33% dos medicamentos consumidos no País.

Os próximos anos trarão ainda mais quebras de paradigmas, com o vencimento de patentes relacionadas a produtos de cardiologia, doenças do sistema nervoso e Parkinson, tornando possível criar versões genéricas. Além disso, o envelhecimento da população também é outra grande oportunidade para o segmento.

Veja também: Close-up lança dados sobre impacto da Covid-19 na prescrição médica

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Notícias Canal Farma

Receba notícias, conteúdos e vídeos do YouTube sobre o setor farmacêutico com nosso canal no Telegram.

Millenium distribuidora referência no mercado pharma Espírito Santo e Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossa Newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

loading...

Receba as principais notícias direto no celular

Mais lidas

Vídeo - É de Farmácia