EnglishPortugueseSpanish

Desafios para uma gestão estratégica da área de RH

Crédito: iStock
Crédito: iStock

O setor de recursos humanos é, tradicionalmente, fundamental em qualquer modelo de negócio. Isso porque é o setor responsável por contratar, administrar, desenvolver e reter os ativos mais preciosos da organização: as pessoas. E com as crescentes mudanças e modernizações na administração das empresas, a gestão de RH também vem se reinventando todos os dias.

As organizações vêm passando por constantes mudanças, e as pessoas precisam se sentir parte integrante dessa mudança, percebida por meio de processos estratégicos do setor de RH, independentemente do porte da drogaria e do número de funcionários.

Toda essa oscilação do cenário econômico dos últimos anos fez com que as empresas passassem a possuir estruturas organizacionais mais enxutas, processos otimizados e profissionais extremamente qualificados. As organizações buscam alavancar seus resultados no menor prazo possível e têm investido fortemente em inovação, pois carecem de mudanças rápidas para se manter no mercado.

O RH estratégico busca o envolvimento das pessoas no alcance dos objetivos organizacionais e no autodesenvolvimento, estimulando a manutenção da empregabilidade dos colaboradores, conscientizando-os da importância da autopercepção de suas forças e fraquezas enquanto profissionais. É uma via de mão dupla, em que as pessoas contribuem para que a organização prospere, e esta, por sua vez, promove o desenvolvimento das pessoas.

A gestão estratégica de RH também define os processos de desenvolvimento contínuo e estruturado de interação das pessoas com os setores internos e com a empresa como um todo, contribuindo para a excelência no ambiente organizacional e, como consequência, retendo os melhores profissionais.

O modelo de gestão estratégica de pessoas é aquele em que a área de RH busca fazer um elo entre os colaboradores e o planejamento da organização. É o alinhamento do planejamento do RH com o planejamento estratégico da empresa. A vantagem de se elaborar um planejamento estratégico em RH é que, por meio dessa ação, a empresa poderá garantir e consolidar essa parceria, tendo como consequência o alcance dos resultados.

Entre outras ações, o setor de RH da atualidade também deve estimular a construção de relacionamentos confiáveis e éticos nos trabalhos colaborativos; participar dos processos tanto de elaboração como de execução das estratégias; preparar os líderes para identificar as ferramentas necessárias para incentivar sua equipe.

Dessa forma, o setor assume o papel de agente de mudanças, com um posicionamento coerente e assertivo, de modo a potencializar os resultados da empresa.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print
Anuncie na Revista da Farmácia

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossa Newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

City Farma - Invista na abertura de um bom negócio

Receba as principais notícias no seu Whatsapp

curta nossa fanpage

Mais lidas

Vídeo - É de Farmácia

Smart Consulta Consultório Farmacêutico Inteligente - Seja um franqueado
Fechar Menu