EnglishPortugueseSpanish

CMED prevê liberação de preços dos medicamentos isentos de prescrição

Foto: freepik
Foto: freepik

A Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED) publicou uma resolução que trata da liberação de critérios para o estabelecimento ou ajuste de preços dos medicamentos isentos de prescrição médica (MIPs). Atualmente, 30% desses produtos já têm preços livres, mas o objetivo da medida é ampliar a lista, principalmente dos produtos que possuem muita concorrência na fabricação.

Os MIPs serão divididos em três grupos – o primeiro deles corresponde aos 30% que já não possuem teto de preços. Novos medicamentos serão acrescentados a este grupo de forma gradual, provavelmente em três etapas, com preços e prazos definidos na reunião da CMED em duas semanas.

Entretanto, alguns medicamentos isentos de prescrição precisarão ter algum controle de preços. É o caso do segundo grupo, que corresponde aos medicamentos que não têm limites de preços nas fábricas, mas possuem teto de valor para o varejo. Já o último grupo corresponde aos produtos que têm preço-teto nas duas etapas, fábrica e comércio.

A resolução estabelece que os medicamentos possam migrar de categoria, o que reduziria ou elevaria sua liberdade de precificação.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print
Millenium distribuidora referência no mercado pharma Espírito Santo e Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossa Newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

City Farma - Invista na abertura de um bom negócio

Receba as principais notícias pelo nosso grupo

curta nossa fanpage

Mais lidas

Vídeo - É de Farmácia

Televendas Zamboni
Fechar Menu