EnglishPortugueseSpanish

Tendências que estão agitando o universo da beleza no varejo

tendências varejo
Foto: Shutterstock

Quais são as tendências que estão agitando o segmento de beleza no varejo? Antes de responder, é importante entender que os hábitos de compra dos consumidores de produtos de beleza estão passando por grandes transformações, pois agora obrigam as marcas e os anunciantes a encararem novos desafios. A indústria de beleza precisa, o quanto antes, mudar a maneira como lida com o varejo, se quiser estar à altura das novas exigências dos consumidores.

O mercado norte-americano passou por grandes metamorfoses com o lançamento de novas marcas que apostam na internet e nas redes sociais para ganhar notoriedade e ampliar suas vendas, por exemplo, conquistando renome com o apoio de influenciadores e estrelas de Hollywood. Embora com o tempo tenhamos compreendido que o sucesso na internet é muitas vezes fulgurante, mas efêmero, essas marcas acabam, de qualquer forma, desestabilizando o equilíbrio do mercado e exigindo ajustes em toda a indústria.

No mercado nacional, as principais redes de farmácias têm investido bastante na evolução do varejo, promovendo cursos, treinamentos e workshops para funcionários das lojas com o objetivo de ajudar os clientes a reformularem a maneira como veem os pontos de venda, graças a uma experiência concreta de compra construída entre consumidor e atendente dentro na loja.

Leia também: Como os “cosméticos do bem” estão se tornando tendência

Separei quatro tendências de varejo que chegaram para ficar:

A Onda Verde

A tendência não se limita aos ingredientes, mas abrange também toda uma filosofia de responsabilidade ambiental, que envolve a embalagem e a experiência de compra, incluindo a loja, pois o consumidor se preocupa com a corresponsabilidade do lojista.

Compra personalizada

Existe uma enorme expectativa do consumidor, ao adentrar a loja, de ser ouvido e, logo após, usufruir indicações que realmente estejam atreladas ao seu biotipo e perfil. “A compra do produto acaba sendo uma simples formalidade. O que importa, acima de tudo, é a experiência que o cliente vai viver com a marca”.

Pesquisa online com decisão final na Loja

Como estamos falando de cosméticos, o fator sensorial, principalmente do toque na pele e da fragrância, ainda é um fator muito decisivo. Hoje já temos muitas marcas oferecendo o sistema de click & collect, ou seja, a ponte entre o site e o estabelecimento físico poderiam funcionar muito bem. Porém, embora as empresas tenham consciência da importância dessa relação, elas ainda enfrentam problemas para financiar a sincronização entre os sistemas digitais e as lojas físicas. O país mais avançado é, sem dúvida, a China. Nenhuma compra, ou quase, é feita sem smartphone.

Tecnologia de voz dentro da loja

Por fim, no longo prazo, a compra por tecnologia de voz é, sem dúvida alguma, uma das tendências mais promissoras. O comando de voz é uma maneira extremamente intuitiva e natural de fazer compras. Os alto-falantes inteligentes estão cada vez mais presentes, principalmente nos EUA. Mais uma vez, aqueles que conseguirem se sobressair nesse setor poderão redefinir o novo equilíbrio do trio “marca-loja-consumidor”.

Assista no É de Farmácia: Como vender mais produtos de beleza na farmácia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print
Anuncie na Revista da Farmácia

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossa Newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

City Farma - Invista na abertura de um bom negócio

Receba as principais notícias no seu Whatsapp

curta nossa fanpage

Mais lidas

Vídeo - É de Farmácia

Smart Consulta Consultório Farmacêutico Inteligente - Seja um franqueado
Fechar Menu