Anvisa publica RDC sobre exportação de produtos para combate à Covid-19

Em RDC, Anvisa acrescenta novas substâncias que podem ser utilizadas contra a Covid-19 em lista que exige autorização prévia para exportação.
Anvisa publica RDC com novas substâncias na lista de autorização prévia para exportação
Foto: shutterstock

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou a RDC nº 395, de 9 de junho de 2020, que dispõe sobre a autorização prévia para exportação de matéria-prima, produto semi-elaborado, produto a granel ou produto farmacêutico já acabado que sejam utilizados no combate à Covid-19. A norma altera a RDC nº 352, de 20 de março de 2020, que tratava do mesmo assunto.

Na nova RDC, as indústrias precisarão pedir autorização à Anvisa antes de exportar as seguintes substâncias: nitazoxanida, cloroquina, hidroxicloroquina, azitromicina, fentanil, midazolam, etossuximida, propofol, pancurônio, vecurônio, rocurônio, succinilcolina, ivermectina, heparina sódica suína, heparina sódica bovina e enoxaparina sódica na forma de matéria-prima, produto semi-elaborado, produto a granel ou produto acabado, e também sais, éteres e ésteres.

A RDC fica vigente até que o Ministério da Saúde determine o fim da pandemia de Covid-19 no Brasil.

Veja também: Anvisa autoriza estudo clínico de potencial vacina contra Covid-19

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Notícias Canal Farma

Receba notícias, conteúdos e vídeos do YouTube sobre o setor farmacêutico com nosso canal no Telegram.

Millenium distribuidora referência no mercado pharma Espírito Santo e Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossa Newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

Receba as principais notícias direto no celular

Mais lidas

Vídeo - É de Farmácia