EnglishPortugueseSpanish

Cuidado farmacêutico no Dia Nacional da Saúde (5 de agosto)

Comemorar disponibilizando cuidados personalizados pode ser um grande diferencial para a farmácia agregar valor à saúde da população.

Entre o final do século XIX e início do século XX, o país viveu tempos difíceis com doenças como varíola, cólera e febre amarela. O aumento dos estudos sobre os diferentes aspectos das doenças determinou a incorporação de estratégias que culminaram na erradicação de várias epidemias. O sucesso se deve ao trabalho de vários sanitaristas, como o médico Oswaldo Cruz, que foi consagrado como um dos principais responsáveis pela erradicação dessas doenças e, em sua homenagem, a data do seu nascimento – 5 de agosto de 1872 – foi escolhida para comemorar o Dia Nacional Da Saúde.

Criação do Dia Nacional da Saúde

Por intermédio do Decreto de Lei nº 5.352, de 8 de novembro de 1967, o Ministério da Saúde e da Educação e Cultura instituíram, no calendário oficial, o Dia Nacional da Saúde, com a intenção de conscientizar a população acerca das diversas questões relacionadas à saúde. Assim, a cada ano é escolhido um tema para refletir e conscientizar a população sobre a prevenção de doenças e a importância do cuidado, das orientações e da educação em saúde.

A data também é dedicada à comemoração do Dia Nacional da Farmácia, fortalecendo um bom momento para atrair os clientes da farmácia e convidá-los a conhecer os serviços que o farmacêutico e toda a equipe da farmácia podem desenvolver para cuidar melhor das pessoas. Independentemente do tema, sempre é possível associar a educação como fonte de inspiração para mudanças de hábitos ou revisar a terapia medicamentosa para que fique mais adequada à rotina de cada paciente.

Leia também: Cuidado farmacêutico: gripe ou resfriado?

Cuidado personalizado: como fazer?

Para direcionar o cuidado personalizado, será necessário primeiramente que o farmacêutico conheça o seu paciente, identifique possíveis problemas relacionados aos medicamentos ou fatores de risco para determinada doença e proponha uma intervenção de acordo com as necessidades de cada um. Estabelecer metas e objetivos tangíveis é algo primordial para o sucesso dos serviços ofertados, bem como alinhar os propósitos do cuidado farmacêutico com a resolutividade do problema identificado na farmacoterapia do paciente.

Comemorar o Dia da Farmácia disponibilizando cuidados pode ser um grande diferencial para a empresa e agregar valor à saúde da população: orientação sobre o uso correto de medicamentos, dicas de lugares adequados para armazenar os medicamentos, verificação da pressão arterial, verificação da glicemia, avaliação do tipo de pele com sugestões de cuidados e proteção e tudo o mais que remeta ao cuidado com a saúde.

Portanto, planeje antecipadamente, convide os clientes! Faça um checklist com os detalhes dos itens que devem ser providenciados para o evento; elabore uma lista para registrar a presença das pessoas e a declaração de serviços prestados em duas vias; construa um questionário de perguntas sobre a importância do serviço prestado e sugestões para os próximos eventos. Dessa forma, farmacêutico e colaboradores da farmácia contribuirão para refletir sobre o Dia da Saúde e aprimorar as próximas ações pelo Dia Nacional da Farmácia.

Assista também: Estágio em farmácia comunitária: por que se deve fazer?

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print
Anuncie na Revista da Farmácia

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossa Newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

City Farma - Invista na abertura de um bom negócio

Receba as principais notícias no seu Whatsapp

curta nossa fanpage

Mais lidas

Vídeo - É de Farmácia

Smart Consulta Consultório Farmacêutico Inteligente - Seja um franqueado
Fechar Menu